Obra do viaduto em Lafaiete, prevista na renovação da concessão da MRS, tem início neste mês de junho

Investimento total será de R$ 46 milhões

6418
0
Novo viaduto, que começa a ser construído pela MRS, com o apoio da Prefeitura Municipal de Conselheiro Lafaiete, contribuirá para a mobilidade urbana da cidade.

O futuro viaduto no Bairro Cachoeira, em Conselheiro Lafaiete/MG, uma das maiores intervenções viárias da história da cidade, começa a ser construído nesta semana. O investimento de R$ 46 milhões será realizado pela MRS Logística, ferrovia de carga que atua no município, em parceria com a Prefeitura Municipal de Conselheiro Lafaiete.

O total investido nesta solução completa de mobilidade urbana inclui as desapropriações necessárias, que foram todas realizadas de maneira cordial, amigável e gerando benefícios para os moradores locais. O objetivo com a construção da nova estrutura é contribuir com a mobilidade urbana local, proporcionando assim um convívio ainda mais harmônico entre a ferrovia e a cidade.

A intervenção faz parte do Plano de Investimentos da MRS para a renovação da concessão da empresa, aprovada em julho de 2022, pelo formador das políticas públicas para o setor: a pasta ministerial ligada aos Transportes e Logística (Ministério dos Transportes) e com o aval do Tribunal de Contas da União (TCU), da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), entre outras esferas de governo.

Novo viaduto, que começa a ser construído pela MRS, com o apoio da Prefeitura Municipal de Conselheiro Lafaiete, contribuirá para a mobilidade urbana da cidade.

ENTENDA A OBRA

O prazo estimado para a conclusão da obra é julho de 2024. O objetivo com a intervenção é entregar à população de Conselheiro Lafaiete um elevado, com extensão aproximada de 160 metros, e ofertar um melhor fluxo viário, e maior segurança aos que transitam na região dado que as passagens em nível nas imediações serão fechadas para o trânsito de veículos com o novo viário. Nesses locais, as travessias para pedestres serão mantidas.

Nesta semana, as equipes de engenharia começam os trabalhos com a montagem do canteiro de obras, central de armação, carpintaria e com o serviço de sondagem do terreno, que consiste em uma análise do local onde será realizada a obra, por meio de uma amostragem do solo e avaliações específicas em campo.

O viaduto proporcionará as seguintes ligações:

  • A rua Dias de Souza terá uma ligação direta com o novo viaduto;
  • O trânsito da rua Antônio Aureliano, no Bairro Cachoeira, também terá ligação ao novo viaduto;
  • A passagem em nível, que liga a rua Dias de Souza à rua Ângelo Marzano, será fechada para veículos, nela será criada uma travessia de pedestres atendendo todas às normas de acessibilidade;
  • A rua Ângelo Marzano não terá mais saída para veículos para a rua Dias de Souza;
  • As ligações à rua Marechal Floriano Peixoto e à rua Valério Eugênio, não sofrerão alterações em seus fluxos;
  • A passagem em nível, que liga a rua Valério Eugênio à rua Barreto, será fechada para veículos. Nela, será criada uma passagem para pedestres que atenderá a todas as normas de acessibilidade;
  • A rua Barreto terá uma ligação à rua Antônio Aureliano, passando pela ponte que será construída sobre o rio Bananeiras;
  • Será construída uma rotatória de retorno na rua Valério Eugênio, próximo à rua Jaci Santana Rabêlo;
  • O fluxo na Avenida Monsenhor Moreira não sofrerá alterações.

As alterações no trânsito local durante o período das obras estão sendo estudadas pela Secretaria de Trânsito do município. As demais informações a respeito dos fluxos, como o sentido de circulação de veículos no novo viaduto, serão divulgadas em momento oportuno.

SEGURANÇA
Para garantir a segurança de todos, é importantíssimo que a sinalização local das obras seja respeitada. Caso seja identificada alguma dúvida sobre a obra, situação atípica ou possível risco, o relato pode ser feito pelo telefone 0800 979 3636.
Lembre-se: sempre pare, olhe para os dois lados e escute antes de atravessar a ferrovia.

– MRS Logística / imprensa@mrs.com.br